dentes de leite

Dr. Adriano Carreira - Medicina Dentária

Saiba a importância de cuidar da dentição de leite:

Os dentes de leite acabam por ser menosprezados em relação aos cuidados de saúde oral pela convicção que mais tarde ou mais cedo vão ser substituídos pelos dentes permanentes. A nível de cuidados requerem a mesma atenção que os definitivos, nomeadamente, a escovagem diária, o uso de fio dentário e uma visita a cada 6 meses ao dentista.

 

A vitamina D também tem um papel fundamental no desenvolvimento dos dentes nos bebés durante a gravidez e através da amamentação. É aconselhado incrementar a alimentação da mãe com alimentos ricos em vitamina D, tais como, peixes gordos, fígado e ovos, bem como apanhar sol nos horários recomendados.

 

Deixamos-lhe 10 curiosidades que demonstram a importância de cuidar a dentição de leite:

 

1 – As crianças têm 20 dentes de leite, dez na arcada superior e outros dez na inferior;

2 – Os dentes de leite são semelhantes aos permanentes, mas o esmalte e a dentina são mais finos e menos mineralizados e, por isso, mais suscetíveis ao aparecimento de cáries;

3 – Os dentes de leite diferem dos definitivos em tamanho e formato, sendo compostos por estruturas semelhantes com coroa, raiz e tecido pulpar;

4 – O tratamento de cáries nos dentes de leite evita a perda do dente e preserva a estrutura necessária para que os dentes permanentes cresçam saudáveis;

5 – Os dentes de leite são imprescindíveis para a aprendizagem da mastigação;

6 – Os dentes de leite auxiliam no desenvolvimento correto dos ossos e músculos da face;

7 – Os dentes de leite surgem por volta dos 6 meses em simultâneo com o desenvolvimento da fala e são essenciais para a correta pronúncia das palavras;

8 – Os dentes de leite começam a cair por volta dos 6/7 anos de idade (pela ordem de nascimento), sendo finalizado o processo de queda aos 12 anos;

9 – Os dentes de leite devem cair de forma natural, sendo necessário reprimir os impulsos das crianças em colocar a mão na boca ou outros objetos, deixando, assim, a região inflamada;

10 – Os dentes de leite caem pela pressão exercida pelo dente definitivo, podendo romper logo de seguida ou até um mês depois.

Fale connosco, nós podemos ajudar a resolver o seu problema para que volte a sorrir de novo!

 

2019 © Adriano Carreira - Medicina Dentária